Conheça 3 aspectos importantes da impressão digital em tecidos

A impressão digital em tecido é uma tecnologia que vem se popularizando no mundo inteiro ao longo dos anos. Dentre os principais motivos para tanto sucesso é que essa técnica proporciona uma série de benefícios.

Entre os mais citados estão a alta produtividade e custos menores em comparação aos métodos tradicionais, como a serigrafia. Além de ser muito mais prático, rápido e produtivo.

No mundo da moda e mercado têxtil, por exemplo, essa técnica é amplamente utilizada. Afinal, nesse meio é preciso produzir centenas de peças todos os dias de diferentes formas, modelos, cores e estampas.

Apenas um método ágil pode dar conta de tanta demanda, mantendo a qualidade de todas as peças. O que muitos não sabem é que, na verdade, impressão digital em tecidos se dá por um grupo de técnicas de estamparia.

Há mais de uma forma de fazer impressão digital hoje em dia, graças à alta tecnologia do mercado – como a sublimação, impressão direta em tecidos (DTG) e muito mais.

Conhecer cada uma dessas técnicas e entender o momento certo de usá-las é extremamente importante no desenvolvimento de um projeto gráfico. Isso porque há diferenças entre os sistemas, bem como suas possibilidades e limitações de aplicações.

A seguir, saiba mais sobre a impressão digital, especialmente no mercado têxtil, assim como os principais métodos e outras curiosidades sobre o tema. Confira também 3 aspectos importantes sobre esse assunto tão complexo.

A estamparia é algo mais difícil do que muitos imaginam, já que é um trabalho que exige muito cuidado, técnica e precisão. Acompanhe! 

Impressão digital em tecidos: tudo que você precisa saber

Como dissemos, impressão digital é um termo amplo que engloba  diversos meios de impressão de uma imagem digital diretamente em uma variedade de mídias, neste caso, diretamente em um tecido.

Isto é, existem vários tipos de equipamentos e de técnicas. O mais importante é ter em mente que cada uma será melhor para um determinado tipo de tecido ou necessidade.

Não existe um só método que seja o melhor para todos os tipos de produções do mundo têxtil. Isso porque cada material tem uma característica química própria e, portanto, precisa de um processo específico.

Somente assim é possível garantir uma boa interação pigmento-tecido, com excelente absorção e pigmentação do material. Portanto, vamos ao primeiro aspecto sobre o tema: conheça as principais formas de fazer impressão digital.

Técnicas de impressão digital têxtil

Existem diversos tipos de impressão digital atualmente, contudo, duas técnicas se destacam neste mercado, a sublimação e a impressão direta em tecidos, mais conhecida como DTG.

Ambas são vantajosas, mas apresentam algumas diferenças entre elas. A sublimação se dá por um processo químico em que um componente em estado sólido passa ao gasoso, sem precisar passar pelo líquido.

Na prática, se dá por uma técnica que precisa de uma impressora sublimática, tintas e papéis sublimáticos, além de uma prensa térmica. O profissional imprime a estampa, a coloca sob o material e com o auxílio do calor, transfere o desenho do papel para a peça de roupa.

É bem simples. Essa técnica é extremamente utilizada por oferecer benefícios como a praticidade, ótimo custo-benefício e estampas de alta qualidade estética. 

Por outro lado, a impressão DTG é uma técnica mais simples e tecnológica. O profissional seleciona o desenho no computador e manda para a impressora, a qual inicia o mesmo processo de uma impressão com papel.

A diferença é que ao invés de uma folha temos a camiseta, por exemplo, sendo estampada. Esse processo é muito mais simples, rápido, prático e tecnológico. Diminui custos, otimiza o fluxo de trabalho, entre tantas outras vantagens.

O ideal é pesquisar mais a fundo sobre cada técnica antes de selecionar qual será utilizada pela sua empresa. De qualquer forma, as duas são positivas e trazem bons resultados.

A tinta é fundamental para os processos de impressão digital

Quando o assunto é esse, as pessoas costumam focar na importância de escolher uma boa impressora e se esquecem de que as tintas precisam da mesma atenção. Neste momento, optar pelo mais barato, por exemplo, não é a melhor opção.

Isso porque a tinta interfere diretamente no resultado da peça, na durabilidade da estampa na roupa e por consequência, na satisfação do cliente com a marca. Sendo assim, opte sempre por tintas de qualidade e referência no mercado.

Impressoras de qualidade otimizam o processo

A impressão digital depende diretamente da tecnologia. Sendo assim, o ideal é que as empresas contem com impressoras de alta qualidade, produtividade e performance.

Somente assim será possível colher os benefícios das técnicas de impressão citadas anteriormente. Esse é um ponto muito importante! O sucesso da operação dependerá da qualidade do equipamento utilizado. 

Por isso, procure marcas referências no segmento, como a Epson. Essa marca é referência mundial de qualidade, confiança e tecnologia. Uma boa dica é procurar impressoras Epson sublimáticas e DTG, elas valem muito a pena.

E claro, compre em distribuidoras de confiança, como a GQM, para ter certeza de que está adquirindo algo de qualidade.

Language